Autor: Tais Cortez
Ano de Publicação: 2014
Editora: LER Editora

Amanda mais uma vez estava sobre o "comando" de sua mãe. Era ela quem decidia tudo em sua vida, Amanda não podia dar opiniões e nem decidir nada, o que Patrícia Oliveira, uma atriz mundialmente famosa, dissesse era isso e ponto final. E exatamente por este motivo que Amanda tinha um comportamento rebelde. Não se dava bem com sua mãe, arranjava brigas por qualquer motivo e tinha uma bela língua afiada. 
E lá estava ela. Dentro da limusine de sua mãe esperando seus dias serem arruinados. Amanda estava entrando na melhor escola do país, a Educação Elite, onde passaria a estudar e a morar, ou seja, perderia toda a sua liberdade.


Mas não por muito tempo! Amanda que sempre fora expulsa de outras escolas, só estava esperando o momento certo para praticar seus planos de expulsão. Amanda não tinha ideia de como isso ia ser extremamente difícil.
Foi só ela pisar na escola que as coisas começaram a dar errado (ou certo?).
Em seu primeiro dia Amanda fez inimizade com Ricardo e sua namorada Mariana, nada e nada menos do que a filha do diretor, Alexandre. Como não pretendia ficar muito tempo não se importou em fazer amigos e muito menos inimigos.
Descobrindo as regras da escola, começou a fazer planos para ser expulsa. 
Soube também que teria um quarto e que iria dividir com mais duas alunas, Maíra e Paulina. Duas meninas completamente diferentes, mas que conquistaram o coração de Amanda.
Todo dia era um novo plano, mas de tudo o que Amanda aprontava no final só levava uma mera bronca e advertências. A inspetora Vilma vivia colada em Amanda, não a deixava de vigiar um só minuto.
Com os seus planos falhando e a inspetora Vilma em cima, Amanda começou a baixar a retaguarda. De uma certa forma estava gostando de ficar em sua nova escola e a amizade com suas companheiras de quarto estava se tornando mais agradável e inseparável. Mas no fundo, ela não queria isso. Queria mesmo é mostrar para a sua mãe que ela é quem decide em sua própria vida.
Não podemos esquecer de seus inimigos Ricardo e Mariana, onde arranjaram muitas discussões e brigas. Ricardo era do tipo mulherengo, muito bonito e podia ter qualquer garota da escola, sem contar que era extremamente arrogante. Mariana era o típico de garota Barbie. Loira, bonita e totalmente vazia, o que tinha de beleza não tinha de inteligência, era uma garota fútil, como metade da escola.
Com os dias se passando, Amanda descobriu segredos no namoro de Mariana e Ricardo, e um dia de raiva mostrou para toda a escola, fazendo com que os dois terminassem.
Ricardo passou a odiar mais ainda Amanda. Mas de fato ela não se importava com isso, pois ele era o Último Homem do Mundo com quem gostaria de ficar. Mais um vez de castigo, Amanda saí escondida da escola a noite. Onde descobre um lar para mendigos, prostitutas e crianças abandonadas, liderados por uma igreja, onde os jovens tentavam de tudo para manter aquele local em pé e funcionando. Amanda se toca ao ver a pobreza e a situação daquelas pessoas e a partir desse dia, Amanda passa a se sentir diferente. Todos aqueles alunos riquinhos e mal agradecidos que tem tudo na vida e aquelas pessoas que não tem absolutamente nada. É um mundo completamente diferente.
Não querendo se aproximar de Ricardo, Amanda não tem outra escolha. Ela precisa da ajuda dele com o novo projeto que está armando para esse abrigo da igreja. Por ser popular, Ricardo conseguiria a ajuda das famílias dos alunos financeiramente facilmente.
Com essa aproximação, Ricardo se mostra diferente do que ele aparenta ser, o que faz Amanda enxerga-lo de uma maneira diferente.
Será que ele vai ser de fato o Último Homem do Mundo para Amanda?

Como é bom voltar a ativa com o blog. Eu estava sem computador mas isso foi resolvido, graças a deus. Vou começar a postar com mais frequência e o blog
estará tomando novos rumos. Não podemos esquecer que no dia 31 desse mês o blog estará completando dois aninhos. E mais uma vez, meus queridos leitores, por mais que o blog esteja mais parado que água de esgoto, eu agradeço do fundo do meu coração a visita de vocês, que mesmo no estado em que estava, não o abandonaram. Isso me deu força para continuar, pois estava pensando em desistir do blog. Obrigada mesmo!
Voltando ao livro (hehe), esse foi mais um de Book Tour que participei realizado pela própria autora. Eu amei o outro livro escrito por ela, então resolvi me envolver neste também.
O livro lembra muito aquela novela que passava no SBT, Rebelde, que eu tenho certeza que você assistia e era muito fã. Eu simplesmente amava HAHA.
Por mais que nos faça lembrar da novela e dos personagens, o livro toma um rumo diferente. 
Não encontramos nele só romance, mas também mostra a realidade de muitas pessoas, as dificuldades da vida, problemas familiares, brigas, amizades.
O fato da Amanda ser tão agressiva é simplesmente por causa de seus problemas com a sua mãe. Mas isso acabou me irritando um pouco, pois tinha momentos que ela era tão confusa que não ia para lugar algum, uma hora ela queria outra não, e isso me irritou.

O livro segue em uma história agradável, é uma leitura bem leve e rápida. A Tais como sempre soube envolver todos os personagens de uma forma bem feita e não deixou nenhum personagem sem final.
Só não me conseguiu me prender como o Golfinhos e Tubarões, o livro simplesmente não me chamava a atenção para lê-lo, foi por isso que demorei bastante para terminar.
Quero que saiba que o livro não é ruim, só não me prendeu, mas quem gosta de romance adolescente vai amar. Quero agradecer novamente a Tais por ter deixado eu participar do Book Tour e quero te desejar todo sucesso do mundo!

Uma música para acompanhar a leitura...


                            Resenha feita por Gabrielle Garcia

2 Comentários

  1. Oiii, Gabi
    Obrigada pela resenha!!!
    Eu acho engraçado ver as diferenças entre os leitores....alguns preferem GET, outros OUHM rsss...mas fico feliz em ver q, em geral, os dois livros estão agradando!
    Espero que meu terceiro bb, q sairá ainda este ano, consiga conquistá-la!
    Bjsss
    e sucesso ao blog!

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabrielle!
    Tenho o ebook deste livro, gostei muito de conferir sua opinião e conhecer o enredo mais detalhadamente. Senti nostalgia à menção de Rebelde *também amava* e fiquei curiosa para ler, por causa da semelhança. Bom saber que não foca apenas no romance, trazendo questões mais profundas. :)
    beijos!

    ResponderExcluir