Título: SE EU NÃO TIVESSE ENVIADO AQUELE E-MAIL.
Autor: Fernando Henrique
Páginas: 156
Gênero: Romance
Editora: Ftrinta Books
Ano: 2015

Sinopse: "Estava prestes a apertar ENTER no meu teclado, quando pensei no que tinha me levado àquele gesto tão simples e tão cotidiano mas que ao mesmo tempo possuía uma importância gigantesca. Não para o mundo, claro. Só para mim."

Olá amigos leitores!!! Como vocês estão? Como tem andado a estante virtual ou física de  vocês? Espero que não esteja empacada como a minha rsrsrs  e nem muitos livros para serem terminados. Como sempre, a falta de tempo dessa nossa maratona diária,  atrelada  à paixão e necessidade pela leitura. Essa é minha luta diária, poder ler ao menos uma página ao dia para sentir minha alma alimentada.

Bom, hoje eu trago uma dica “fofa” de um escritor novo que me encantou com sua escrita, seu senso de humor e história de amor. Eu falo de Fernando Henrique autor de SE EU NÃO TIVESSE ENVIADO AQUELE E-MAIL...

É uma história sensacional que fala sobre como ele conheceu a mulher de sua vida e a luta incansável  para conquistá-la. A leitura prende do início ao fim e flui facilmente.

Rick cursa publicidade, ele e Ane são da mesma sala. Ela noiva de Fox um carinha descolado. Assim que se vêem Ane desperta o interesse do pobre moço quando você ler entenderá o porque do termo , e daí ele traça planos “geniais” para conquistar seu coração, afinal como ele mesmo se define “é o John Green de Afogados”. Fácil se identificar com isso, afinal, quem nunca amou “sozinho” , platonicamente??
“...toda pessoa que já esteve apaixonada ao menos uma vez na vida sabe que começamos a ver o mundo de outra forma.”
Quando Rick teve a ideia de enviar o e-mail falando de seus sentimentos, é que Ane passa a prestar mais atenção nele, sem falar que ao se encontrarem pessoalmente depois do e-mail, ao invés dela dar um passa fora, como ele esperava, ela deixa uma “janela aberta”.
E assim segue Rick, tentando de tudo, bolando estratégias com as quais me diverti muito. Me peguei gargalhando em vários pontos do livro. É genial o bom humor dele descrevendo os próprios foras.

“Na minha cabeça homem só consegue ser amigo de mulher se ela for feia, se estiver firme em um relacionamento ou se o marido ou namorado dela for PM. Porque é melhor não se arriscar.”
Talvez por já saber como tudo vai terminar, eu esperei pacientemente  até que o cupido acertasse a teimosa Ane. E em alguns momentos confesso que dá vontade de pegá-la pelo pescoço. Rsrsrsrrs
Mas cupido que é cupido é sempre teimoso. mas no final todo mundo acha sua tampa.

Peço licença aqui para minha modéstia rsrsrs, pois este livro chegou até mim em formato digital pelo próprio autor, e pra mim foi um imenso presente. E hoje vejo que fui privilegiada  J

Então deixo aqui a dica dessa maravilhosa narração, com perfeito toque de bom humor, que te prenderá do começo ao fim.
Sem dúvida essa prazerosa leitura lhe será um grande presente.

Um abraço e até a próxima J

Michelle Guerra

Deixe um comentário